O Presidente da República italiano Sergio Mattarella durante a transmissão diária “Itália com a gente” na RAI Itália, propõe uma reflexão sobre a emigração italiana. Ao longo dos últimos cem anos, migraram quase 26 milhões de pessoas, de acordo com Mattarella, “devemos agradecer pelo cuidado com que mantêm viva a cultura e língua italiana no mundo.”

” Muitos migrantes partiram para um destino desconhecido para lançar as bases de uma condição de vida nova e sólida, que não foi possível em Pátria”, é deste modo que o Presidente da República Sergio Mattarella descreve os imigrantes italianos durante a transmissão no canal italiano Rai Italia.

Em uma mensagem de vídeo, o dono do cargo mais elevado do país fala de muitos italianos que se mudaram para o exterior nos últimos cem anos para buscar o que o seu país não poderia oferecer. “São muitos. Em cem anos, entre 1876 e 1975, emigraram da Itália cerca de 26 milhões de italianos. É realmente uma nação fora do país. Falamos dos filhos distantes, a quem a pátria olha com admiração e com carinho especial “, diz ele.

“As comunidades italianas devem ser particularmente agradecidas pelo cuidado de manter viva, em todas as partes do mundo, a cultura e a língua italiana “, diz ele apontando que um imigrante, fora do seu próprio país, mantém e transmite raiz e amor pelo seu país. Ele também faz uma pausa para falar em como são importantes as comunidades italianas no exterior, procuradas e reconhecidas em muitas áreas de trabalho: ” A emigração italiana tem muitas vezes mostrado que podem deixar uma marca decisiva nos países de destino em termos de idéias, energia, criatividade: de política, economia, cultura, arte “mas não só para os anfitriões italianos no exterior, mas também para seus compatriotas:” para aqueles que vivem na Itália é sempre uma fonte de orgulho saber que a comunidade italiana ganhou, ao longo do tempo, respeito, estima, consideração e simpatia por seus esforços em seu país de acolhimento, em muitas áreas “, diz o chefe de estado. Sucessos, que reafirma, são o resultado de “ histórias de sofrimento e privação, enfrentados com determinação e coragem ” daqueles que decidiram deixar seu país.

Não falta, portanto, referência à cultura italiana trazida ao mundo, um mundo que diz Mattarella “precisa da Itália “por nossa atenção e ” atração para a arte, a paisagem, a cultura, fantasia, comida, moda, linguagem, música, literatura da Itália, “que permite mostrar, além das nossas fronteiras, uma imagem deste país” muito melhor “do que aqui algumas vezes é representado.

É de nossa responsabilidade, descendentes de italianos, novos cidadãos (ou futuros!) levar essa “onda” adiante. Como? Aproveitando o período na Itália para aprender a cultura, a língua, os costumes e principalmente a história do país!

Nós da Benvenuti Cidadania oferecemos pacotes com curso italiano justamente para isso!

Contacte-nos!

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here